Por mais que pareça um assunto corriqueiro, decidir os detalhes sobre a melhor internet residencial não é necessariamente uma tarefa fácil. É verdade que a internet está na grande maioria das casas do Brasil, mas nem por isso a escolha é simples. Angariar dados para realizar a tomada de decisão sobre um pacote de internet residencial é uma tarefa que pode ter muitas variáveis.

Alguns usuários não abrem mão de altíssima velocidade, outros preferem economia em primeiro lugar, outros vão escolher um pacote com boa relação entre custo e benefício, enquanto os mais garantidos vão decidir pela empresa que transmite mais confiança.

Algumas pessoas vivem sozinhas e trabalham fora, outras moram com vários parentes e passam o dia em casa. Alguns usuários gostam de jogar online e de fazer downloads, outros assistem muito Netflix e alguns usam praticamente para olhar as redes sociais ou até mesmo se limitam a usar apenas para o Whatsapp.

Outro fator importantíssimo para se considerar é a organização da vida após a pandemia. Algumas pessoas podem ter decidido que a partir de agora só irão trabalhar de casa, no modelo home office. Outras talvez nem tenham escolha, já que muitas empresas simplesmente fecharam seus escritórios e estão adotando o modelo de teletrabalho como algo definitivo.

Pensando nisso, resolvemos facilitar a sua vida reunindo algumas informações relevantes. As informações, que estão ao longo desse artigo, provavelmente são o suficiente para você tomar sua decisão.

CONFIRA OS MELHORES COMBOS DA CLARO COM OFERTAS PERFEITAS PARA VOCÊ

Leia também: Trabalho em casa online é impulsionado por ultravelocidade de internet

As diferentes tecnologias de internet residencial

É normal que, dependendo da região, os tipos de pacote de internet residencial oferecidos sejam de diferentes tecnologias. Então pode ser importante você saber alguns aspectos de cada tecnologia para, ao pesquisar na sua região, saber qual contratar.

Internet por satélite

Infelizmente, para os usuários, o sinal de internet por satélite normalmente não é uma escolha, mas falta de outras opções. Esse tipo de internet costuma ser contratada por pessoas que vivem em localidades mais afastadas, onde os melhores planos de internet via cabo não chegam.

É difícil pensar em outras vantagens para a internet por satélite além do fato de atender regiões remotas. Isso porque o preço não é necessariamente amigável e a qualidade do sinal também não é das melhores. Fatores como o clima, por exemplo, podem afetar drasticamente a conexão. Para piorar a situação, alguns planos de internet via satélite contam com franquia de dados.

Resumindo, com internet via satélite você paga caro por um serviço instável e limitado. Ou seja, contrate apenas se for a única opção da sua região.

Internet por fibra óptica

A internet por fibra óptica é uma tecnologia bem recente e é conhecida por sua alta velocidade. A transmissão do seu sinal é feita através de pulsos de luz. Esse método costuma ser pouco suscetível a interferências, o que significa que o sinal é quase sempre estável.

O problema é que, graças a necessidade de um tipo novo de infraestrutura, os lugares que recebem essa tecnologia precisam de adaptação. Esse processo normalmente significa mais gastos para as operadoras e, consequentemente, um serviço mais caro que as outras tecnologias.

Outro problema diz respeito a área de cobertura e, assim como o preço, também é consequência das questões de infraestrutura. Como essa tecnologia precisa de obras e preparo e acaba custando um valor elevado, acabou chegando em poucas cidades.

Leia também: O que é a Claro Fibra?

Internet por rádio

Ao contrário da fibra óptica, o sinal de internet por rádio é conhecido por ter uma ampla área de cobertura. O sinal, como o nome sugere, é transmitido por ondas de rádios. Isso significa que, além de não precisar de muito cabeamento, esse tipo de serviço precisa de pouquíssima manutenção.

A desvantagem desse tipo de internet é inerente ao seu tipo de sinal. Por usar ondas de rádios, existe uma limitação técnica que faz com que os planos normalmente fiquem limitados a velocidade de 10 MB.

Além disso o sinal de rádio sofre do mesmo problema que o do satélite: a instabilidade. Relatos de usuários relatam a fragilidade do sinal em dias de chuva forte. Infelizmente é normal a internet ficar com o sinal bem comprometido ou até mesmo sem sinal.

Internet pela rede 4G

A internet pela rede 4G é exatamente a mesma usada pelos celulares. Ou seja, ela só é viável para o uso residencial para pessoas que moram em regiões com cobertura 4G. Normalmente ela é escolhida por pessoas que moram em regiões urbanas mas que por algum motivo não têm acesso à internet por cabo.

No caso do uso residencial, o sinal do 4G é recebido por um chip que fica localizado dentro de um mini modem. A desvantagem é que, assim como nos planos de celular, existe uma franquia de dados.

Isso significa que, dependendo do seu consumo de internet, você pode simplesmente ficar sem sinal. Nesse caso é necessário esperar “virar o mês” do plano, ou então pagar um valor extra para contratar mais dados.

QUER TER A INTERNET 4G MAIS RÁPIDA DO BRASIL? ASSINE UM COMBO CLARO!

Internet por cabo

O sinal de internet que chega por cabo é, de longe, a melhor opção para quem quer uma internet boa. O sinal é estável, os preços são acessíveis, a área de cobertura é enorme, não tem franquia de dados e a velocidade é boa tanto para download quanto para upload.

Os dois pontos negativos da internet por cabo são praticamente irrelevantes atualmente.
O primeiro, que acontecia antigamente, é a lentidão pelo excesso de tráfego em horário de pico. Mas a verdade é que hoje em dia nenhuma operadora de qualidade deixa isso acontecer e esse problema quase não é mais relatado.

O segundo é a necessidade de ter energia elétrica funcionando para ter sinal de internet. Ou seja, se faltar luz você fica desconectado. Mas, convenhamos, a maioria dos aparelhos de uma residência também precisam de energia elétrica. Além disso, ficar sem luz é um problema raríssimo para a maioria das regiões do Brasil.

O melhor pacote de internet residencial para você

Agora que você conheceu praticamente todos os tipos de internet, chegou a hora de decidir o seu pacote de internet residencial. Esse tomada de decisão passa principalmente por três fatores: hábitos, velocidade e preço.

Hábitos

Seus hábitos na internet determinam seu consumo e, consequentemente, as necessidades do seu perfil de usuário. Isso se aplica, naturalmente, a todos os moradores da mesma residência, ou seja, todas as pessoas que vão compartilhar a internet.

Se a internet vai ser usada para trabalho, por exemplo, um dos fatores mais importantes é a estabilidade. Se for uma família grande, pode ser interessante contratar um plano mais robusto. Quem passa muito tempo em casa também pode precisar contratar um serviço que ofereça qualidade e confiança.

Ou seja, antes de olhar para fora e decidir seu plano, olhe para dentro e entenda o seu perfil.

Velocidade

Depois de entender o seu perfil, chegou a hora de decidir a velocidade. Essa decisão, felizmente, não costuma gerar muitas dúvidas.

Internet com alta velocidade normalmente é necessária para pessoas que jogam online ou que transferem arquivos muito grandes. Além disso, famílias com muitas pessoas também podem precisar de um sinal rápido para garantir que todos consigam usar simultaneamente.

Planos medianos normalmente são para as pessoas que usam a internet para atividades menos específicas. Assistir filmes por streaming, ouvir música online e realizar chamadas de vídeo são alguns exemplos desse tipo de uso.

Já as velocidades baixas são recomendadas apenas para residências que usam a internet apenas para atividades bem básicas. Se você mora sozinho e pretende apenas verificar seus e-mails, fazer pesquisas na internet e conversar pelo Whatsapp, pode ser que um plano bem simples atenda suas necessidades.

Leia também: Ultravelocidade: para você ainda é um sonho?

Preço

Ainda mais fácil do que escolher a velocidade é escolher o preço. Afinal, se você já sabe a velocidade necessária para atender suas demandas, do que mais precisa? Quase nada.

Basta pesquisar o preço dos planos na velocidade escolhida e comparar. Só não esqueça de conferir a confiança da empresa que você está contratando, já que empresas desconhecidas nem sempre tem condições de cumprir com a velocidade, prestar atendimento ou resolver problemas na rede de forma tão eficiente quanto uma empresa grande e renomada.

Banda larga Claro Net

É muito provável que, depois de passar por toda essa pesquisa, você acabe optando por contratar um pacote de internet residencial da Claro Net. Os resultados do Speedtest® comprovaram que a Claro Net tem a banda larga mais rápida do Brasil.

A Ookla, que é um dos mais reconhecidos mecanismos de medição de internet, também testou diversas empresas de internet residencial e apontou o resultado da Net com um score de 30,73, sendo o mais rápido do Brasil.

Planos

Confira agora os planos da banda larga Claro Net e escolha o seu:

10 Mega

Por apenas R$ 89,99 mensair você contrata o plano mais barato oferecido pela Claro Net e pode usar a internet para navegar e conversar com seus amigos sem problemas.

35 Mega

Por R$ 119,99 mensais você contrata 35 MB e consegue curtir seus filmes com tranquilidade e fazer chamadas de vídeo sem travar.

120 Mega

Com uma mensalidade apenas 20 reais mais cara que a anterior você consegue mais que o triplo da velocidade. Por R$ 139,99 você consegue jogar, fazer grandes downloads e até trabalhar de casa.

240 Mega

Pagando R$ 159,99 por mês você tem o melhor dos planos oferecido pela Claro Net. Para quem gosta de uma boa relação entre custo e benefício, essa é a melhor escolha. Basta uma olhadinha para perceber que esse plano é o único que custa menos de 1 real por mega.

Leia também: Teste de velocidade de internet: as melhores ferramentas

CONFIRA OS MELHORES COMBOS DA CLARO COM OFERTAS PERFEITAS PARA VOCÊ

Pacote de internet residencial: escolheu o seu?

Conseguiu decidir qual o melhor pacote de internet residencial para você? Esperamos ter ajudado na escolha. Se você conhece alguém que pode tirar proveito dessas informações, compartilhe esse artigo.

E para seguir atualizado a respeito de tópicos relacionados à internet e tecnologia, continue acompanhando nosso blog!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui